0

“Da Fama a Lama” José de Abreu se emociona e chora ao falar que mora em lixão.

O ator renomado com várias novelas no seu currículo conhecido pelo povo brasileiro por excelentes papeis revelou a repórter Priscila da TV PARA que sempre quis ser rico no entanto quando conseguiu pensou que seria feliz, porem todo seu dinheiro não lhe trouxe felicidade.

E declarou que “A coisa mais importante que eu percebi é que você precisa de algo superficial como isso – ser rico – agindo como um catalisador, para te motivar a fugir do que você está tentando fugir. Mas depois você precisa usar isso como uma ponte para um objetivo de longo prazo mais significativo que te manterá focado, conectado à realidade e ajudando aos outros”.

Jose de Abreu que praticamente deu toda sua fortuna ao pobres, disse que é feliz e não se arrepende do que fez.

Sem ter onde morar, Jose de abreu comentou que na época que era famoso era rodeado de pessoas as quais só queriam se aproveitar de sua fortuna, e agora realmente sabe quem são seus amigos, Abreu declarou que a riqueza não lhe trouxe felicidade e que percebeu que ter muito dinheiro não era suficiente para ser feliz.

Jose de Abreu que preocupou familiares e amigos pelo sumiço, pois conforme declaração dos familiares o mesmo tinham indícios de depressão.

Os familiares declararam:

“Procuramos ele em todos os lugares: no hospital, no Projac, no necrotério”, afirmou uma tia do ator.

O sumiço de Zé de Abreu teve um desfecho inesperado na tarde de ontem, quando o ator foi encontrado num lixão catando material reciclável para vender.

Segundo ele, esta foi a solução que encontrou para ganhar o pão de cada dia e que se sente feliz por isso, e disse que quando rico pensava.

O que fazer então com tanto dinheiro, mas sem ainda ter não alcançado de verdade a felicidade?

Compartilhe a matéria:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *