0

VOCÊ SE LEMBRA DO “HOMEM ÁRVORE”? APÓS VÁRIAS OPERAÇÕES, ELE JÁ PODE MOSTRAR SEUS DEDOS; VEJA…

Abul Bajandar é um homem novo. Todos nós lembramos dele por ser uma das 3 pessoas no mundo com epidermodisplasia verruciforme, uma doença genética da pele, que causa verrugas enormes, podem começar a brotar nas mãos e pé. A primeira intervenção de Abul foi em fevereiro deste ano e só se sabia que ele havia superado com sucesso a primeira operação. Hoje a imagem é mais encorajadora, porque o “homem árvore” pode ver seus dedos novamente.

Foto/Reprodução

“Eu me sinto ótimo, eu ainda não consigo caminhar pelas operações recentes e eu tenho que exercitar minhas mãos todos os dias para adquirir mais mobilidade, mas liberá-las é algo excelente”, disse Abul a Efe. As declarações do Bangladeshi foram feitas do Hospital Universitário de Dacca, onde foi internado desde janeiro deste ano.

Quando adolescente, nas mãos de Abul Bajandar começou a brotar verrugas sem qualquer explicação médica.

Foto/Reprodução

De acordo com Samanta Lal Sen, coordenadora da unidade de queimadura e cirurgia plástica do hospital, o caso Albul representa um desafio médico, pois apenas alguns casos são conhecidos, o que significa que não há cura para esta doença estranha. “Foi uma operação muito nova para nós. Era muito difícil saber onde estavam os dedos, os vasos sanguíneos. Houve um alto risco de complicações. É uma conquista e mostramos que, se tentarmos, Bangladesh pode fazer um bom trabalho “, afirmou a médica.

A primeira operação bem sucedida foi em fevereiro de 2016, mas depois de várias intervenções, ele pode simplesmente mostrar seus dedos.

Foto/Reprodução

Aqui mostramos um vídeo da Agência EFE onde você pode ver a mudança radical nas mãos de Abul, que está se tornando mais próximo de se tornar uma pessoa “normal”.

O tratamento continuará seu curso, mas Abul está se aproximando de mostrar-se “normal”.

Foto/Reprodução
Compartilhe a matéria:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *