Tiraram a foto de um cão abraçando seu dono no meio da rua. Mas não era somente um abraço qualquer

Sinceramente, eu não consigo imaginar que no mundo haja um amor maior do que o dos cães por aqueles que eles amam e aprendem a amar. Nada se compara a sua parceria e a sua fidelidade. E um filhotinho chamado Tony nos dá um lindo exemplo disso.

Jesus Hueche, o proprietário de Tony, podava uma árvore em frente a sua casa na Argentina, quando escorregou na escada e sofreu uma queda de 6 metros na calçada de concreto. Ao cair, ele bateu a cabeça e perdeu a consciência.

O pequeno cãozinho ficou devastado ao ver o que havia acontecido com seu ‘pai’ e, assustado, ele abraçou o dono com todo o amor e não saiu de perto até os paramédicos chegarem. E mesmo enquanto Hueche era atendido, Tony continuava a abraçá-lo e não desgrudava por um instante sequer. Ele estava muito preocupado.

Não tardou para que Jesus recuperasse a sua consciência após a ação dos paramédicos. E ao acordar, acariciou seu filhote fiel para mostrar a ele que tudo ficaria bem.

Até no momento em que Hueche foi levado para ambulância, Tony fez de tudo para poder ficar próximo e tentou subir com ele no veículo. Desta vez, não foi possível, mas os dois não ficariam longe um do outro por muito tempo.

Felizmente, as lesões do argentino foram leves e ele logo foi liberado para voltar para casa e reencontrar o seu grande amigo. “Um dia eu o vi [Tony] na rua e o adotei. O dei amor, comida e ele faz parte de nossa família”, disse Hueche. “Ele é como um filho para mim”, completou.

E se Jesus o enxerga como um filho, não há dúvidas do quanto Tony o vê como um amigo, como um parceiro, como um pai.

Compartilhe a matéria:

Deixe uma resposta