0

Pai entra em pânico ao ver pitbull correndo em direção à filha. O que ele viu mudou para sempre sua vida

Pitbulls costumam ter uma péssima reputação por serem agressivos. Mas essa família descobriu um lado muito melhor dessa raça de cães tão temida.

Greg Heynen tinha muito preconceito contra Zack, o pitbull da sua mulher. Ele o odiava, tinha medo do animal e era contra a esposa tê-lo dentro de casa. Mas, hoje, ele pode compartilhar sua história:

“Minha mulher e eu tínhamos dois cachorros que eram nossos antes de nos conhecermos. O dela era um cruzamento de pit bull com labrador chamado Zack, e ele me odiava. Quando nossa filha nasceu, eu disse à minha mulher, “se ele sequer mordiscar o bebê, ele sai de casa”.

Nós trouxemos nossa filha para casa em uma cadeirinha de carro e os dois cachorros a cheiraram e lamberam com o rabo balançando. Eu tive que tirar o Zack de perto dela porque ele não parava de lambê-la. Ele virou imediatamente o protetor da minha filha, e sempre que ela estava deitada em um cobertor no chão, ele sempre tinha que colocar uma pata em cima do cobertor.

Zack amou minha filha imensamente, e quando ela ficou maior, ele ia com ela até a cama e dormia com ela. De alguma maneira ele sempre sabia quando era hora de ir lá pra cima e esperava por ela ao pé da escada, e depois a seguia.

Um dia Zack foi envenenado pelo filho do vizinho e nós tivemos o pior dia de nossas vidas. Assistir nossa filha dizendo adeus a ele enquanto ele estava deitado no chão da cozinha, minha mulher e eu ao lado chorando. Às 8 horas daquela noite, ela foi até a escada para subir. Foi neste momento que nós nos demos realmente conta do que havia acontecido. Depois de 5 anos, Zack não estava mais lá para acompanhá-la até a cama.

Foi aí que o meu cachorro, que amava muito a minha filha, mas não estava à altura de Zack, se levantou, caminhou até ela, e esbarrou nela com a cabeça. Depois ele colocou um pé na escada e olhou para ela. Eles subiram e foram para a cama com minha filha agarrando firme em seu pescoço.

Pelos próximos seis anos, até ele morrer também, Sam esperou por ela na escada todas as noites.”

A mensagem deste pai é inspiradora e ajuda a acabar bastante com o preconceito de muitas pessoas. Concorda? Então não deixe de compartilhar.

Compartilhe:

Imagem e mensagem

Deixe uma resposta