ALERTA: Bebê morre depois de sua mãe passar uma pomada que toda mãe passa em seus bebês; Veja a matéria

Se você tem filhos menores de dois anos é importante que você tenha certeza de não deixar nenhum vestígio de VapoRub de Vick ao alcance de seus filhos, isso poderia lhes custar a vida.

Tudo estava indo como um dia normal, Elena que trabalha de garçonete em um pequeno restaurante na Cidade do México. Ela chegou do trabalho depois das 21 horas, cumprimentou sua família, entrou no quarto e abraçou seu bebê de apenas 9 meses. Sem imaginar o que iria acontecer, Elena esfregou Vick VapoRub no peito, costas e sob o nariz do seu bebê, com a intenção de evitar dificuldades respiratórias. Depois, ela se deitou ao lado dele e dormiu.

Quando Elena abriu os olhos, ela se virou para verificar se seu bebê estava bem, já que era uma noite que fazia muito frio. Então, ela percebeu que ele não estava respirando. Elena começou a chorar e gritar desesperadamente.

Ela levou seu filho em seus braços imediatamente para o hospital, onde infelizmente os médicos confirmaram que o bebê já estava morto. Essas foram as palavras que os médicos disseram pra ela.

“Senhora desculpe, seu filho está morto”

De acordo com relatórios médicos, a criança morreu de uma grave inflamação nas vias causada com o resultado de cânfora presente nesta pomada (Vick Vaporub).

Notavelmente, de acordo com vários estudos recentes realizados em torno deste famoso bálsamo, incluindo um estudo realizado pelo Departamento de Pediatria da Universidade Wake Forest, nos Estados Unidos, o Vick Vaporub serve para aliviar o desconforto em crianças com menos de 2 anos, mas você não pode passar muito, já que ele se acumula na traqueia impedindo o fluxo normal de ar.

Você vê algo tão comum e aparentemente inofensivo, por isso antes de usar qualquer pomada ou medicações, você tem que ler as instruções, elas podem salvar sua vida.

 

Elena é apenas mais uma mulher que, sem saber, cometeu o erro mais caro de sua vida.

Compartilhe a matéria:

Imagem e mensagem