0

Garoto que fumava 40 cigarros por dia tem mudança absurda em seu corpo depois de 8 anos.

Pode parecer até brincadeira mas Ardi Rizal realmente era um menino fumante REAL. Nascido nas Filipinas o pequeno ficou muito conhecido pelo seu vício em cigarros que chegava a 40 cigarros diários..

Com uma mão dirige seu caminhão de brinquedo e aparenta ser uma criança comum brincando em seu quintal, na outra um cigarro aceso e se isso já não basta está jogando uma baforada de fumaça para o alto, esse era a realidade diária do pequeno.

Ganhou seu primeiro cigarro (pasmem) com 1 ano e 6 meses. Diretamente da mão de seu pai, que sem querer criou o vicio instantaneamente no garoto levando a família toda ao choque. De acordo que a notícia foi ganhando espaço, não demorou muito para virar notícia e ser assunto nas associações infanto juvenis. Até mesmo o Governo demostrou interesse pelo pequeno e nos problemas que aquela região vinha sofrendo. As Filipinas tem uma alta frequência de menores fumantes. Os dados da Agência de Estatísticas provam que 25% dos pequenos de lá entre 3 e 15 anos fumam.

Mas o caso do pequeno Ardi é o mais extremo de todos, por isso por forte esforço da família e até mesmo promessas de ganhos do Governo, o jovem largou o cigarro, e hoje vive “livre” daquele vício. Um vício por outro, agora o menino está dependente de outra coisa mortalmente perigosa. Migrou para um vício terrível por comidas gordurosas.

uita reabilitação foi necessária, psiquiatras aconselhavam a mãe do jovem Ardi a mante-lo ocupado com todos os tipos de entretenimento, para que não procurasse por comida ou até mesmo o fumo. Muita gente que não queria nem saber oferecia cigarros para o jovem, mas nunca teve recaída. Felizmente, o jovem foi forte como um guerreiro e hoje também conseguiu vencer o outro vício de comer comidas com alto teor de gordura. Hoje vive feliz e mais saudável como nunca esteve na vida.

Fonte: portalinteressante.com

Compartilhe a matéria:

Imagem e mensagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *