0

Veja !! Polícia Reabre Caso da Mulher Que Matou Empresário da YOKI … !

16

A polícia reabriu a investigação sobre a morte do empresário Marcos Kitano Matsunaga, herdeiro do grupo Yoki, em maio de 2012, por solicitação do Ministério Público.

Segundo a investigação, há indícios que apontam que a autora do crime, Elize Matsunaga, mulher do empresário, pode ter tido ajuda para se livrar do corpo, que foi esquartejado.

Em dezembro, uma mulher registrou um ocorrência em Cotia (Grande SP) acusando o marido de agressão e denunciando que ele ajudou Elize a se livrar do corpo em terreno da cidade.

Com a informação em mãos, o DHPP (Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa), responsável pela investigação do caso, descobriu que o homem foi caseiro de diversas chácaras de luxo de Cotia, na região da Granja Viana, e inclusive teria prestado serviços em propriedades da família Matsunaga.

A irmã dele, que é auxiliar de veterinária, cuidou dos cavalos de Matsunaga. Segundo policiais, ela já foi ouvida pela polícia e confirmou que o irmão está desaparecido desde que sua mulher denunciou a agressão na delegacia.

15

Um segundo inquérito do caso está em aberto desde a época do crime, quando a perícia descobriu a existência de sangue de um outro homem que não Matsunaga no apartamento onde o casal vivia, na Vila Leopoldina (zona oeste da capital).

A hipótese de que Elize teve ajuda no crime foi defendida inicialmente pelo advogado da família da vítima. Ela sempre negou a existência de um cúmplice no crime.

Elize ainda aguarda o julgamento pela morte do ex-marido, o empresário Marcos Kitano Matsunaga, 42 anos. Presa desde o ocorrido, ela confessou o crime.

Em seu depoimento, Elize, então com 30 anos, alegou que atirou na cabeça do empresário após uma discussão. Ela flagrou a traição de Matsunaga com uma garota de programa após contratar um detetive particular.

Nascida no interior do Paraná, Elize conheceu o ex-marido quando era prostituta, em 2004. O casal tem uma filha, atualmente com 3 anos, que está sob cuidados de familiares dela.

É Notícia

Deixe uma resposta